Azeite e a dieta do mediterrâneo é uma associação amplamente estudada pela ciência como benéfica para o ser humano, evitando uma série de doenças e proporcionando uma vida mais longa e mais saudável.

O que é a dieta do mediterrâneo

A dieta do mediterrâneo não é plano ou programa especifico de dieta. Não tem como objetivo emagrecer ou melhorar um determinado aspecto da saúde. Trata-se na realidade de um modo de vida saudável com consumo amplo e variado de alimentos naturais e saudáveis. Esses alimentos são distribuídos de forma equilibrada, para atender a todas as necessidades nutricionais do organismo humano. Contempla além da alimentação adequada, uma vida social ativa e a pratica de exercícios físicos constantes.

Na parte alimentar a dieta do mediterrâneo  consiste no consumo elevado de azeite, legumes, cereais não refinados, frutas e vegetais, o consumo moderado a elevado de peixe, consumo moderado de lacticínios (queijo e iogurte na sua maior parte), consumo moderado de vinho, e baixo consumo de carnes e seus derivados.

A origem da dieta do mediterrâneo

A versão mais conhecida da dieta do mediterrâneo foi apresentada pelo Dr. Walter Willett da Escola de Saúde Publica da Universidade de Harvard em meados da década de 1990. O estudo inicial associou os padrões típicos de alimentação de algumas regiões do mediterrâneo com com vida mais longa e saudável,

Diversos estudos realizados posteriormente comprovaram que as pessoas da regiões que praticam essa dieta  com  alto consumo de azeite em conjunto com os outros posturas alimentares, sociais e físicas possuem menos problemas de saúde e vivem mais e melhor.

Como resultado desses estudos, a UNESCO reconheceu, em 2010, esse padrão de dieta como um patrimônio cultural imaterial da umanidade.

Os aspectos nutricionais da dieta do mediterrâneo

O corpo humano é uma máquina complexa e precisa de nutrientes para funcionar. Esses nutrientes são obtidos pelos diversos alimentos disponíveis na natureza e o equilíbrio na alimentação faz a diferença na saúde, evitando as doenças. Alguns alimentos específicos, além de atuarem como nutrientes, possuem funções terapêuticas atuando para evitar doenças e eventualmente a cura de doenças já estabelecidas.

O conjunto de alimentos necessários compõe uma pirâmide. A atual pirâmide brasileira é composta por oito grupos que se agrupam em quatro níveis de alimentos:

• Energéticos: grupo 1 (carboidratos, basicamente os alimentos á base de batatas e cereais, como trigo, milho, mandioca e soja e seus derivados como pão, massas, bolos, etc);

• Reguladores: grupo 2 (verduras e legumes) e grupo 3 (frutas);

• Construtores: grupo 4 (leites e derivados), grupo 5 (carnes e ovos) e grupo 6 (leguminosas e oleaginosas- castanhas, amendoas e amendoim);

 Energéticos extras: grupo 7 (óleos e gorduras) e grupo 8 (açúcares e doces).

Desta forma, a dieta do mediterrâneo nada mais é do que uma forma de atender as necessidades nutricionais do ser humano com produtos mais saudáveis e práticas sociais e físicas adequadas a uma vida mais longa e mais saudável.   

Por que o azeite de oliva é importante na dieta do Mediterrâneo

O azeite possui em sua composição diversos compostos benéficos à saudê. É rico em gorduras boa, principalmente  monoinsaturadas. É rico em polifenóis. Ambos são poderosos antioxidantes com diversos benefícios comprovados à saúde. Entretanto, obviamente, o azeite não supre todas as necessidades do organismo e deve fazer parte de uma dieta equilibrada que contemple todos os ingredientes nutricionais como os indicados na dieta do mediterrâneo.

Estudos científicos comprovam que os benefícios do azeite são potencializados associados aos outros alimentos que compõem a dieta do mediterraneo.

 Os benefícios da dieta do mediterrâneo

Sendo um estilo de vida, com alimentação natural e variada, aliada ao convívio social à e atividade física, a dieta do mediterrâneo traz os seguintes benefícios:

  • Ajuda a variar a alimentação, atendendo às principais necessidades nutricionais do ser humano, com equilíbrio;
  • É uma versão econômica composta por produtos de fácil aquisição;
  • Menor risco de desenvolvimento de doenças cardiovasculares, câncer, diabetes e colesterol alto;
  • Protege o corpo da aterosclerose;
  • Evita a demência e o Alzheimer;
  • Aumenta a imunidade, evitando as doenças viróticas.

O prestígio da Dieta do Mediterrâneo

A dieta do mediterrâneo até hoje possui prestígio, principalmente entre a comunidade cientifica, por que é uma dieta natural, abrangente e que contempla o equilíbrio de todas as necessidades nutricionais para que o ser humano leve uma vida saudável e longa, livre dos principais males da vida moderna.

Diferente de outras dietas milagrosas que ficam por pouco tempo, pelo simples fato de serem superficiais, a dieta do mediterrâneo é a dieta que perdura desde há muitas décadas. Foi até aqui a dieta mais estudada e continua tendo o interesse da comunidade científica com estudos recentes, pois a cada dia se comprovam novos benefícios.

como fazer a dieta mediterrânea

  • Evite produtos industrializados, dando preferência para alimentos frescos, da época.
  • Inclua frutas, castanhas, nozes e sementes nas refeições intermediárias. Pode-se acrescentar nas saladas a  chia, castanhas, aveia ou coco ralado.
  • Use  laticínios magros, como leite desnatado, iogurte natural e queijo branco.
  • Dê preferência a alimentos preparados  no vapor, cozidos ou assados. Evite frituras.
  • Use  os grãos integrais, como arroz integral,
  • Diminua o consumo de sal, priorizando ervas e temperos naturais.
  • Use o vinho em pequenas doses  ou  suco de uva integral, de preferência orgânico
  • Varie a alimentação por dia da semana, use legumes e frutas diferentes, variando nas cores.
  • Consuma mais peixes e menos carne vermelha. Busque proteínas nos vegetais, como lentilha, grão de bico e todos os tipos de feijões, evitando assim a proteína animal.
  • Tenha uma vida social intensa, faça refeições com pessoas que lhe agradam
  • Pratique atividades físicas

Pesquisa e edição: Companhia do Azeite

Outras leituras:

https://www.todamateria.com.br/piramide-alimentar/

https://www.natue.com.br/natuelife/dieta-meditarranea-confira-seus-beneficios.html

comprar azeite cantinho do azeite